Topografia com Drone | RDR Topografia

Topografia com Drone | RDR Topografia
3 meses atrás

A evolução em diversos setores da engenharia continua cada vez mais acelerada e com a topografia não tem sido diferente. Até pouco tempo atrás os profissionais tinham que trabalhar com teodolitos analógicos para realização dos registros topográficos, logo em seguida a estação de topografia que foi adotada como padrão e agora chegou a vez da topografia com drones.

Os drones viraram moda em todo o mundo e de alguns tempos para cá vem auxiliando em projetos de construção ou reestruturação. Estes equipamentos que já são controlados por aplicativos são capazes de cobrir grandes áreas geográficas apresentar detalhes que muitas vezes não são acessíveis e ajudam a calcular tudo com muita rapidez e exatidão quando associados a modernos softwares.

Topografia com Drones

Para se ter ideia antigamente para se fazer o estudo de grandes áreas demorava-se dias, semanas, ou até mesmo meses e os custos eram altíssimos tendo muitas vezes que ser realizado sobrevoos com aviões particulares.

A topografia com drone, no entanto se apropriou desta série de benéficos deste equipamento e vem tornando seus processos mais ágeis tecnológicos e confiáveis, além de reduzir drasticamente tempo e custo no campo de trabalho.

Topografia com Drones: como fazer o levantamento?


Conhecida também como fotogrametria, a captura informações de objetos no solo sem contato de fato apenas com referências visuais captadas pelas câmeras dos drones possibilita ter as coordenadas, dimensões, relevo detalhadamente da área.

O drone para topografia contém sensores um GPS embarcado e também um RTK. Estes dois equipamentos funcionam de forma simultânea pois o GPS pode ter uma margem de erro de 5 a 10 metros e o RTK interpolado ajuda na correção desta diferenciação.

As fotos tiradas são processadas juntamente com as informações coletadas pelo GPS transformando a sequencia captada no voo em uma nuvem de pontos.

Enquanto que com a estação total temos algumas referências a topografia com drone pode nós dar milhares de referências em pouquíssimo tempo, ou seja, “milhares de pontos”.

O próximo passo é processar toda está informação em algum software específico e criar as malhas trianguladas do terreno e tratar as informações até que de todas as informações necessárias estejam presentes.